quarta-feira, 9 de agosto de 2017

Brasil cria 35,9 mil vagas de emprego formal em julho

Brasil
 ALTA 
O Brasil registrou a criação de 35.900 vagas de emprego formal em julho, segundo dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados, do Ministério do Trabalho, divulgados nesta quarta-feira.

É o melhor resultado para o mês desde 2013. O resultado é a diferença entre 1.167.770 admissões e 1.131.870 desligamentos no período.

Cinco dos oito setores monitorados pelo Ministério do Trabalho tiveram saldo positivo de vagas no período. As principais influências positivas ocorreram na indústria (12.594 vagas a mais), no comércio (10.156) e nos serviços (7.714). Na indústria, a principal contribuição veio do setor de alimentício, de bebidas e álcool etílico (7.995).

Os setores que apresentaram mais demissões que contratações foram serviços de utilidade pública (saldo de – 1.125 vagas), administração pública (-994) e indústria extrativa mineral (-224).
(Veja)

Nenhum comentário: